A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou, neste domingo (06/03), 735 casos da Covid-19. Entre os confirmados hoje, 14 (2%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 721 (98%) são leves. Agora, Pernambuco totaliza 848.875 casos confirmados da doença, sendo 57.750 graves e 791.125 leves, que estão distribuídos por todos os 184 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha.
Também foram confirmados laboratorialmente sete óbitos (3 masculinos e 4 femininos), ocorridos entre os dias 03/04/2021 e 04/03/2022. As novas mortes são de pessoas residentes dos municípios de Caruaru (1), Recife (4), São José do Egito (1) e Toritama (1). Com isso, o Estado totaliza 21.151 mortes pela Covid-19.
Os pacientes tinham entre 58 e 102 anos. As faixas etárias são: 50 a 59 (1), 60 a 69 (3) e 80 e mais (3). Do total, seis tinham doenças preexistentes: doença cardiovascular (6), diabetes (4), doença respiratória (2), obesidade (2), hipertensão (2), histórico de AVC (1) e câncer (1) – um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Um não tinha comorbidades.
BALANÇO DA VACINAÇÃO – Pernambuco já aplicou 17.212.729 doses de vacinas contra a Covid- 19 na sua população, desde o início da campanha de imunização no Estado (no dia 18 de janeiro de 2021).
Com relação às primeiras doses, foram 7.954.108 aplicações (cobertura de 89,63%). Do total, 6.774.086 pernambucanos (76,33%) já completaram seus esquemas vacinais, sendo 6.600.960 pessoas que foram vacinadas com imunizantes aplicados em duas doses e outros 173.126 pernambucanos que foram contemplados com vacina aplicada em dose única. 
Em relação às doses de reforços (terceira dose), já foram aplicadas 2.484.535 (cobertura de 37,62%).
Outras informações detalhadas sobre a população vacinada contra a Covid-19 estão disponíveis no Painel de Acompanhamento Vacinal, que pode ser acessado pelo https://bit.ly/3xteooh. No ambiente on-line, há as coberturas por grupo e por municípios, doses aplicadas x distribuídas por cidade, perfil dos vacinados (sexo, raça/cor). Há, ainda, as bases de dados para download.

FONTE: COMUNICAÇÃO SES-PE